RETIROS FORMATIVOS DA ESCOLA CONSCIENTE® O despertar é um doloroso destronamento do falso poder.

A criação do poder interno autêntico.

O florescimento é o caminho da possibilidade para a realização da autêntica potencialidade.

A gestão do apoio e acompanhamento em processos de evolução interna está afetando profundamente a vida dos alunos que frequentam esTe programa; eles começam a perceber no decorrer de cada retiro de formação que algo é removido profundamente, o que é então confirmado e amplificado à medida que eles saem e verificam no quotidiano que algumas coisas fundamentais nas suas vidas foram mudadas. Quem e como isso mudou? A vida não é mais a mesma, é uma vida cheia de oportunidades e possibilidades. O que aconteceu comigo? Não sou mais o mesmo, esqueci-me de mim mesmo ou recuperei a memória do que sou? Eu não me irrito mais, não me maltrato, nem as limitações me dominam. Você quer entender o que aconteceu?

Quando você chega a um retiro da Escola Consciente, a ua vida, as suas percepções, as suas ideias e a sua visão de si mesmo são a evolução de um passado condicionado, tudo o que é inserido e instalado dentro da sua mente como um sistema operacional que direciona as suas decisões inconsciente durante o processo das 5 oficinas que realizamos de aproximadamente 3 a 4 horas cada uma dentro do retiro, vamos entrar nas raízes dessas construções sólidas para dinamitar, desde as mais profundas, as crenças arraigadas que limitam o potencial. É um trabalho de engenharia de transformação em que a tecnologia de entendimento é utilizada para realizar este trabalho de desmantelamento profundo. Deixando livre o espaço ocupado por restos, crenças, conhecimento, conclusões e muito lixo – que não dava a possibilidade para que surjisse o novo e o autêntico- para que nesse lugar reconquistado se possa manifestar o mistério com força-.

O “TORNAR-SE” É O QUE IRÁ “VIR PARA SI”:

Tornar-se é a manifestação da conversão ou transformação que surge de uma corrente dinâmica, onde nada é estático. O desenvolvimento de uma semente é tornar-se uma planta, é a consequência natural de um processo. Numa existência onde tudo flui, a vida é um fluxo natural que nos leva como um rio ao que pode se tornar. Tornar-se aplica-se a uma coisa ou a um ser humano. É um processo pelo qual, no decorrer do tempo, coisas e seres são feitos ou transformados. O pensamento grego levantou a questão de estar intimamente ligado ao ser. Na Escola Consciente® nós a usamos como a potencialidade inerente que surge quando nos tornamos conscientes do poder que habita nosso ser.

O tornar-se é, para Heráclito, a substância do ser, pois tudo está sujeito ao tempo e à transformação e, portanto, à evolução. Mesmo aquilo que parece estar estático à percepção sensorial; tudo está numa situação dinâmica e em mudança contínua. TORNAR-SE é uma palavra que define perfeitamente esta situação na qual o passado é transmutado criando um novo e surpreendente presente que nada tem a ver com o impulso ou com as formas conhecidas de um passado ao qual ficamos presos como uma prisão de segurança máxima. Nesse sentido, tornar-se é tanto a substância do ser como a do presente, já que tem o potencial de criar um futuro diferente do que vivemos até agora e do que teríamos imaginado. Tornar-se é o mistério escondido no futuro.

Para qualquer aluno que esteja aberto ao futuro que emerge do processo de transformação que realizamos, compreensões significativos são produzidas. No final do retiro eu faço várias perguntas: O que viu? O que entendeu? O que está ocorrendo? As três perguntas são direcionadas para o mesmo ponto: TORNAR-SE UM. Mas a maioria dos alunos interpreta que a questão é direcionada para o exterior, concentrando-se no que viu fora, no que eles entenderam de fora e no que está a acontecer a um nível superficial, seja nas emoções, no corpo ou nopensamento. Mas quando mudam a direção de onde a têm direcionada e a levam para dentro, uma transformação acontece: O que eu vi em mim? O que eu entendi sobre mim? O que está acontecendo comigo? Esta mudança qualitativa na questão produz resultados surpreendentes porque o indivíduo deixa o externo para entrar no interno. E, a menos que você entre no interno, nunca poderá entrar em nada externo. O florescimento da potencialidade é uma penetração no externo do interno, mas primeiro devemos entrar do externo para o interno, é aí que a transformação surge.

SINAIS DO QUE ESTÁ A CHEGAR:

Quando a evolução interior começa, acontecem coisas que não aconteceram antes, é um sinal de que o desconhecido começa a visitá-lo; é um sinal de que você iniciou um processo de libertação do mistério que habita em si. É por isso que você vem com várias reações físicas e psicoemocionais ao fato de que algo muito grande está se aproximando, o que está chegando é tão grande que não há lugar dentro da idéia que você tem sobre si mesmo e sobre a vida. Essa ideia deve ser dissolvida imediatamente para que o infinito possa visitá-lo. Nenhuma ideia pode ter eternidade ou potencialidade. A ideia de você é a ideia mais prejudicial e que mais interfere na sua floração. É a ideia do passado, da vida e de si que se unem para criar um limite fixo e rígido que não permite que o desconhecido entre.

Na Escola Consciente chegamos a um estado de fluxo espontâneo que nos permite aceder a um espaço transcendente sem a dominação dessas ideias falsas e limitadas. Se, neste momento, tudo flui relaxado, é um tonar-se de um passado que morreu, que não dirige mais a nossa vida, então podemos nos tornar. Aquele Ser sem identificações, sem condições, sem culpa, sem indignidade e sem limites é o que acontece e produz um resultado inevitável.

Um projeto é a parte de um romance, um filme ou sua história pessoal em que o enredo é resolvido ou a intenção do autor se manifesta. Esse momento mágico é o momento de entender, como toda a trama que vem de capítulos passados nos trouxe aqui, a um ponto de inflexão e autocentrismo em que é claro que o autor foi a consciência e sua possibilidade de acorde É por isso que a compreensão e a reconciliação decorrem, a onda de gratidão e alegria por tudo o que aconteceu e pelo que está por vir nos varrerá.

Emre, um estudante da Turquia, escreveu isso alguns dias depois do retiro: “A única limitação que Emre tem é Emre. Eu sou muito grato por ter esses gatilhos na vida, caso contrário, tudo seria chato. Isso significa que uma escola mais consciente = mais diversão na vida “.

O que pode acontecer num momento de compreensão é algo transformador, porque é o resultado natural de um processo de mudanças que se opõe ao que pensávamos que éramos. A necessidade de ser transformada entra na cena da tragédia medíocre da vida. É então quando essa ideia de nós mesmos e da vida perde o poder até que se dilui no rio poderoso e turvo do passado; é o rio da vida que nos trouxe aqui e agora, naquele rio que traz tanta força e impulso tudo está envolvido e quer nos levar a um destino que hoje percebemos não é compatível com o mistério que habita nosso Ser No momento em que podemos ver tudo sem ressentimento, esse rio para de repente, pára de nos empurrar agressivamente; torna-se transparente, agora podemos ver tudo no fundo, porque o entendemos. É o começo de uma cura e uma grande transformação que será manifestada no futuro do nosso futuro. É muito possível que a consciência tenha despertado.

Alberto José Varela

[email protected]

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Scroll to Top